quanto eu vou gastar com pedagio

Você sabe quanto o governo paulista arrecada anualmente com os pedágios nas rodovias do estado? Quando comecei a escrever esta postagem, o contador do site Pedagiômetro apontava uma estimativa de gastos dos usuários das estradas de São Paulo, de janeiro até hoje, em torno de quatro bilhões, setecentos e quarenta milhões e cento e sessenta e nove mil reais.

Quem paga não é só quem passeia, todos pagamos, esse dinheirinho sai do seu bolso aos poucos e você nem percebe, qualquer mercadoria que você compre e tenha sido transportada por uma rodovia pedagiada, de eletrodomésticos a grandes equipamentos industriais, de combustíveis a remédios, todos trazem embutido esse pedacinho do custo São Paulo. Nem mesmo em passagens de ônibus a famigerada tarifa te deixa em paz.

MEU GADGET PREFERIDO É O MAPEIA

Se você vai encarar uma "SP-pedagiada" com seu motorhome ou levando seu trailer de arrasto, você pode fazer uma estimativa antecipada de seus gastos através de calculadoras simples como a do site Mapeia, que eu considero o melhor por aqui, com valores e localização de praças de pedágio quase sempre bem atualizados.

Ele não se limita ao estado bandeirante, embora seja o seu foco, também é possível calcular tarifas em outras regiões do Brasil. E você ainda pode incluir o consumo médio de seu veículo e o valor médio provável do combustível ao longo do percurso e ter uma base de quanto dinheiro vai gastar enchendo o tanque.


QUATRO RODAS - MAP CONTROL - ESTRADAS

O Guia Quatro Rodas tem um sistema de cálculos um pouquinho mais abrangente, porém bem mais complexo também, pois exige endereços detalhados, com nomes de ruas e números, enquanto no mapeia basta inserir os nomes das cidades. Sua especialidade é a de traçar rotas, o que novos gadgets estão fazendo igual ou melhor e a considerar a situação atual da Abril, não me inspira mais confiança, faço somente menção.

O Map Control também tem a minha simpatia, com a vantagem que ele indica no mapa o roteiro, facilitando um bocado o seu planejamento de rota e de gastos e tem inclusive a possibilidade de selecionar o tipo de veículo antes de enviar os dados para consulta, entretanto é menos preciso que o meu favoritíssimo e não calcula as despesas com combustível.

O site Estradas.com.br é mais uma alternativa para o pretenso viajante se programar, porém ele não oferece uma calculadora e sim listas com as principais praças de pedágio, senão todas, divididas por unidades da federação, bastando clicar sobre o mapa ou sobre o nome do estado que você quer verificar para ele listar as praças por trechos de rodovias. Muito interessante para imprimir ou salvar no dispositivo móvel.

Chegando ao fim deste texto, observo que o Pedagiômetro exibe agora o número de 4.740.260.553,41 (até eu terminar este parágrafo ele aumentará muito ainda) e aproveito para registrar aqui que ele tem um link com o Mapeia, no canto superior direito, em "Calcule". Abraços.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião.